Venha a nós e ao vosso reino também: governadores querem mudanças na reforma da previdência

Na minha humilde opinião, em resumo, a carta poderia tem um simplesmente: “sem essa de só venha a nós e ao vosso reino, nada”

Os governadores dos estados que compõem a região Nordeste do País divulgaram na noite desta quinta-feira (06/06), mais uma carta que fizeram direcionada ao presidente da República, Jair Messias Bolsonaro (PSL). Desta vez está em pauta a reforma da previdência, que têm movimentado o cenário político e social do país.

Pontos de divergências são os principais impasses para a tramitação do projeto e esse é justamente o principal conteúdo da carta intitulada “Há um só Brasil que é de todos os brasileiros”, assinada por Renan Filho, governador do Estado de Alagoas; Rui Costa, governador do Estado da Bahia; Camilo Santana, governador do Estado do Ceará; Flávio Dino, governador do Estado do Maranhão; João Azevêdo, governador do Estado da Paraíba; Paulo Câmara, governador do Estado de Pernambuco; Wellington Dias, governador do Estado do Piauí; Fátima Bezerra, governadora do Rio Grande do Norte; e Belivaldo Chagas, governador do Estado de Sergipe.

Na minha humilde opinião, em resumo, a carta poderia tem um simplesmente: “sem essa de só venha a nós e ao vosso reino, nada”.

Na carta os governadores, além de pontos que fazem observações sobre benefícios a trabalhadores, como os do campo, criticam a polarização política exacerbada e dizem que “as energias devem ser canalizadas para o escrutínio das divergências e o aperfeiçoamento das ações, de modo que todos sejam beneficiados, evitando-se a armadilha do divisionismo que tem acirrado os ânimos e paralisado a nação”.

Subentende-se, ao meu ver, que ao falar que todos precisam ser beneficiados, eles falam também de suas gestões, que podem ficar de fora da reforma por conta de uma mudança no texto original da PEC, que prevê a exclusão de estados e municípios da matéria, passando assim a responsabilidade para as assembleias legislativas estaduais.

É uma carta curta, mas com um recado direto. Os governadores se mostram a favor da reforma, mas querem ser beneficiados com ela também.

Veja a carta completa:

CARTA_GOVERNADORES DO NE.pdf

Dê sua opinião:

Tags

Veja também: