Limma diz que denúncias da oposição vão dificultar situação financeira do PI

Deputado se refere a prestação de contas da primeira parcela do empréstimo contraído junto a Caixa Econômica

Limma diz que denúncias da oposição vão dificultar situação financeira do PI (Foto: Divulgação/Alepi)

O novo líder do governo na Assembleia Legislativa do Piauí, deputado Francisco Limma, disse nesta quinta-feira (19/04), que a estratégia da oposição de ficar fazendo denúncias a respeito da prestação de contas do governo quanto a primeira parcela do empréstimo adquirido junto à Caixa Econômica Federal, de cerca de R$ 300 mil, pode prejudicar a situação financeira do Estado.

O deputado afirma que a estratégia é um “disco furado” e que cabe à Caixa avaliar se os documentos atendem ou não o exigido. “A não entrada desse recurso vai afetar a economia do estado, acho até de arrecadação, porque se não circula dinheiro, não há arrecadação, se não há arrecadação, termina com isso limitando também as despesas... a não ser que a intenção seja de fato inviabilizar essa situação do estado”.

A entrada do recurso, ele garante, servirá para operacionalizar obras e ações estratégicas. “O governo sempre acredita nessas possibilidades [do empréstimo]. Ainda essa semana o governador esteve tratando disso. A operação de crédito é legal, um contrato não tem nada a ver com o outro”.

Caso a segunda parcela, assim como outros empréstimos, não sejam viabilizados, o governo poderá planejar aumento de arrecadação e reduzir despesas, garante Limma.

Dê sua opinião:

Tags

Veja também: