Portal O Estado

Professor da Uespi tem mais de seis mil citações em pesquisas no campo da Química

O professor Laércio Santos é um dos docentes com mais pesquisas feitas na Uespi

O professor da Universidade Estadual do Piauí (Uespi), Laércio Santos, de 40 anos, é uma referência no campo da Química. Ao todo, ele tem 136 artigos publicados e 6.592 mil citações nos diversos campos de atuação da Química, entre elas: materiais inorgânicos óxidos das famílias Scheelitas/Wolframita e influência das diferentes composições dos modificadores e formadores de rede.

“As pesquisas são fundamentais para o avanço científico e tecnológico do nosso país, isso me motiva a sempre está na busca por materiais com propriedades únicas, que ainda não foram descobertos”, declara Santos, que é o docente da Uespi mais pesquisas e citações em artigos. Ele é  natural de Teresina, começou sua licenciatura em 1999 na Uespi e, hoje, é docente da instituição, sendo considerado uma “peça-chave” para que novas pesquisas sejam produzidas na universidade e no Estado.

Um de seus estudos refere-se à síntese de refinamento estrutural e propriedades fotocatalíticas de cristais de CuWO4 pelo método de co-precipitação/calcinação. Outra abordagem trata-se da investigação estrutural, morfológica e óptica de microcristais de β-Ag2MoO4, obtidos com diferentes solventes polares.

“Através dos projetos de pesquisa, podemos mudar a atual realidade econômica e intelectual do nosso país, por isso é tão importante investir e incentivar nossos cientistas”, defendeu o químico e pesquisador.

O carinho que o professor recebe pelos corredores da Uespi pode ser sentido na fala de um dos seus ex-alunos do Mestrado em Química da instituição, Felipe João Oliveira. Juntos, os estudantes desenvolveram um projeto relacionado à degradação de corantes orgânicos, que geralmente são despejados nos rios causando danos quase que irreparáveis ao meio ambiente.

“O professor Laércio representa dedicação, persistência, inteligência e competência. Agradeço muito por tudo o que ele acrescentou na minha vida e para a sociedade, com seus mais diversificados estudos”, destaca Felipe João Oliveira.

A trajetória do homem que sonhava em ser cientista e, atualmente, é o professor com mais pesquisas e citações na Uespi continua a ser trilhada com o intuito para que novos pesquisadores possam surgir.

Dê sua opinião:

Tags

Veja também: