A manhã da última terça-feira (31/07) foi de qualificação profissional para dez pessoas em situação de rua. Isso porque o Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro POP) realizou mais uma aula do Curso Artesanato em Mosaico. As aulas são ofertadas na sede da instituição, às segundas e terças-feiras, de 8h às 11h. 

“O objetivo é fazer com que eles saiam do espaço da rua e tenham um curso profissionalizante, para que tenham novas perspectivas, tanto de trabalho, quanto de vida. São ofertadas 20 vagas, mas, de forma fixa, temos 10 pessoas em situação de rua, porque o curso segue um fluxo. No momento, eles já estão montando as telas”, comenta Angélica Fortes, educadora do Centro POP.

Para Manoel Mendes, participante assíduo das aulas, aprender e praticar o artesanato em mosaico é uma grande oportunidade. “O curso é importante, pois posso buscar um novo meio de vida. E também é uma forma para me reintegrar à sociedade”, ressalta. O curso é ofertado em parceria com a fundação Wall Ferraz. As aulas têm duração de 13 dias, com carga horária de 40 horas.

A conclusão das aulas com a  turma está prevista para a próxima segunda-feira (6). “Além da qualificação profissional, o curso trabalha a autoestima e autonomia deles. Ao final das atividades, serão entregues certificados. Com o desenvolvimento do trabalho, poderá melhorar também a qualidade de vida, gerando a própria renda. E dentro do estilo de cada um, eles produzem peças lindas”, destaca Suânia Freitas, instrutora do curso. 

O Serviço Especializado para População em Situação de Rua, ofertado pelo Centro POP, funciona de segunda a sexta-feira, de 8h às 18h. A instituição também oferta o Serviço Especializado em Abordagem Social (SEAS), que consiste em identificar pessoas em situação de rua, através dos Agentes de Proteção Social (APS), ofertando atendimento. O serviço é prestado de domingo a domingo, nos três turnos.

Caso identifique pessoas em situação de rua, a população deve ligar para o telefone 3215-9317. A instituição é vinculada à Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi).

Dê sua opinião:

Tags