Portal O Estado

No Piauí, Maria da Penha recebe título de cidadã teresinense

A homenagem foi realizada durante um diálogo na Praça dos Orixás, São Joaquim, onde a ativista celebrou os 13 anos de implantação da Lei Maria da Penha, que é um dos principais instrumentos usados no enfrentamento à violência de gênero no Brasil.

(Foto: PMT / Renato Bezerra)

A farmacêutica Maria da Penha recebeu nesta quarta-feira (28), o título de cidadã teresinense, de autoria do vereador Venâncio Cardoso. A homenagem foi realizada durante um diálogo na Praça dos Orixás, São Joaquim, onde a ativista celebrou os 13 anos de implantação da Lei Maria da Penha, que é um dos principais instrumentos usados no enfrentamento à violência de gênero no Brasil.

“Durante esses 13 anos de lei, acredito que avançamos, mas precisamos avançar ainda mais.  A desconstrução de qualquer cultura só acontece através da educação, portanto é importante destacar políticas públicas na desconstrução do machismo. Só assim nós poderemos ter um futuro com menos violência para nossas mulheres e mais paz no mundo”, afirma.

O Projeto Lei Maria da Penha em Cordel nas Escolas, desenvolvido há cinco anos pela Prefeitura de Teresina através da Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres, é, segundo a ativista, um dos instrumentos que reflete a importância de se conscientizar sobre a violência de gênero ainda na infância. Com a iniciativa já foram atendidas mais de 70 mil crianças em mais de 180 unidades da rede municipal de ensino da capital.

“A Prefeitura de Teresina tem se destacado pelo seu trabalho de enfrentamento desenvolvido com as crianças através desse projeto. As crianças de hoje serão os homens de amanhã, devido a essa atitude de sensibilizar esse público, o índice de violência doméstica na capital, diante o Brasil, vai ser um dos mais baixos”, pontua.

O momento que faz parte da programação do aniversário 167 anos de Teresina, contou ainda com apresentações culturais. Além de Maria da Penha, o responsável por divulgar a lei em cordel nas escolas, Tião Simpatia, também recebeu o o título de cidadão teresinense.

Para a Secretária Municipal de Políticas Públicas para Mulheres, Macilane Gomes, esse foi um excelente momento para popularizar cada vez mais essa lei tão relevante para a vida das mulheres. “Essa foi uma excelente oportunidade de dialogarmos, ao tempo em que produzimos uma reflexão sobre os altos índices de violência na nossa capital. Considero uma oportunidade ímpar de popularizarmos cada vez mais a lei entendendo ser de relevância social”, destaca a Secretária.

Em Teresina, as mulheres podem buscar acolhimento através do Centro de Referência da Esperança Garcia (CREG), localizado na Rua Benjamin Constant, 2170, Centro de Teresina. No local, as mulheres em situação de risco recebem acompanhamento psicológico, assistência social e jurídica.

Nesta quinta (29), Maria da Penha será homenageada com a entrega do título de cidadã Piauiense, proposto pela deputada estadual Lucy Soares.  O evento será realizado no Plenário da Assembleia Legislativa do Piauí, a partir das 10h.

Maria da Penha encerra sua visita em Teresina na CMEI Teresa Cristina, no Centro de Teresina, às 15h. Na oportunidade será realizada uma acolhida, além de apresentações culturais.te

Fonte: Prefeitura de Teresina

Dê sua opinião:

Tags

Veja também: