Portal O Estado

Hospitais do interior do Piauí recebem investimento de R$ 1 milhão, diz Sesapi

Investimentos em nova aparelhagem trouxeram modernização e mais conforto aos pacientes que procuram as unidades de saúde.

Ao longo dos últimos anos, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) investiu mais de um milhão de reais na compra de equipamentos para os hospitais e unidades de saúde das cidades de São Raimundo Nonato, Simplício Mendes, Uruçuí e São João do Piauí. No total, foram gastos R$ 1.014.843,86 em nova aparelhagem, que trouxe modernização e mais conforto aos pacientes que procuram estas unidades de saúde.

Em reforma e ampliação da rede de saúde desses quatro municípios, a Sesapi já desembolsou R$ 17.373.483,35. Uma dessas obras é o Centro de Parto Normal de São Raimundo Nonato que já recebeu da Sesapi R$ 677.450,37 e está com 95% de sua construção concluída.

Outra obra que está sendo realizada na cidade é a construção do Centro Especializado de Reabilitação onde já foram empregados R$ 3.065.817,96. A reforma e ampliação do Hospital Cândido Ferraz está em processo de licitação, onde serão investidos R$ 4.865.000. “Já foi autorizada a abertura do processo licitatório e contratação de construtora para realizar a reforma e ampliação do hospital”, informou o secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto.

No município de Uruçuí, está sendo feita a reforma do Hospital Regional, que está com 77,76% de executada.

Visitas

Para acompanhar de perto a situação dos hospitais de rede estadual, o secretário da Saúde visitou recentemente o Hospital Regional Senador Cândido Ferraz e a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) 24 horas de São Raimundo Nonato. O hospital voltou para a administração da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi) em junho deste ano.

Desde 2018, o Hospital Cândido Ferraz vem realizando plantões ortopédicos, que já diminuiu em quase 60% o número de transferências para outros hospitais. Na unidade de saúde estão sendo realizadas cirurgias de fraturas de tíbia e fíbula, punho, metacarpo, clavícula, tornozelo, antebraço e algumas de úmero e fêmur, pilão tibial e patela, além dos procedimentos de retirada de material de síntese.

“Nossa pretensão é trazer mais melhorias para o hospital, agora que o mesmo voltou para nossa gestão enquanto Secretaria da Saúde. Pretendemos aumentar o número de plantões ortopédicos para que possamos diminuir ainda mais o número de transferências para outros hospitais. Outro ponto que vamos dar atenção são as obras do Centro de Parto Normal”, informou o secretário.

Outro ponto da visita foi a Coordenação Regional de Saúde, onde foi possível verificar as melhorias realizadas na farmácia dos medicamentos excepcionais, ponto fundamental no atendimento à população. Para o secretário Florentino Neto, a primeira análise foi positiva. “O foco agora é a melhoria da central de regulação local, trabalhando o atendimento e garantindo um acesso mais fácil da população aos serviços de saúde”, ressaltou o gestor.

São João do Piauí

Florentino Neto acompanhou também a situação do Hospital Regional Teresinha Nunes de Barros, em São João do Piauí. Junto à diretora da unidade Santana Andrade, o secretário verificou as instalações do hospital regional.

“Nosso hospital aqui em São João do Piauí acaba de finalizar mais um mutirão de cirurgias, quando foram realizados 10 procedimentos com sucesso. Esta se mostra como uma das administrações mais bem efetuadas em nossas unidades. Sabemos da importância do hospital, que atende 11 municípios da região, e queremos garantir mais investimentos para o trabalho que vem sendo realizado, possa melhorar ainda mais”, destacou o gestor.

A diretora da unidade destacou a importância da vista do secretário ao Hospital Regional Teresinha Nunes de Barros, e que está confiante nas melhorias que estão sendo empregadas. “Com essa visita sabemos que melhores investimentos serão feitos para que possamos atender com mais qualidade a todos que dependem do nosso trabalho aqui na região”, destaca Santana Andrade.

Para tratar da situação do hospital de São João do Piauí, o secretário recebeu, na sexta-feira (23), a coordenadora do Centro de Apoio Operacional de Defesa da Saúde do Ministério Público Estadual, promotora Cláudia Seabra. “Precisamos saber onde estamos acertando ou errando para melhorar o trabalho. Para nós é sempre um desafio que pretendemos cumprir, buscando soluções. Vamos olhar com carinho para todas as regiões”, disse Florentino Neto.

Dê sua opinião:

Tags

Veja também: