Portal O Estado

Miss Piauí 2019: Conheça Dagmara Landim, Miss São Raimundo Nonato

Dagmara Landin é a Miss São Raimundo Nonato. Com 22 anos, 1,77m e 59kg, a bela vem se preparando intensamente desde o ano passado

O Portal O Estado inicia uma série de entrevistas com as candidatas que estão disputando o título de Miss Piauí 2019. O concurso que irá eleger a mulher mais bonita do Piauí vai acontecer no dia 16 de fevereiro, no Shopping Rio Poty, a partir das 18h. 

Na primeira entrevista, conheça um pouco sobre Dagmara Landim.

Dagmara Landin é a Miss São Raimundo Nonato. Com 22 anos, 1,77m e 59kg, a bela vem se preparando intensamente desde o ano passado e é uma das favoritas para o título de Miss Piauí 2019.

Em meio a esta preparação, a maravilhosa arrumou um tempinho para participar desta nossa entrevista exclusiva.

Portal O Estado: Quando começou o seu contato com o mundo dos concursos de beleza e por que você quis se tornar uma miss?

Meu primeiro concurso, no qual fiquei em primeiro lugar, foi uma disputa de garota colegial, na minha cidade, Bonfim do Piauí, na micro região de São Raimundo Nonato. Depois, participei de mais dois concursos municipais, ficando em segundo lugar em um e no outro não cheguei a ser nem classificada. Quem me colocou em contato com o mundo miss foi o meu amigo Luan Castro, e hoje, meu coordenador, um dos componentes da minha equipe, a Delta misses. E desde então, é um sonho que eu venho tentando realizar há muito tempo, sendo impedida principalmente por fatores financeiros e tendo que segura-lo mesmo diante de tantas adversidades. Eu entendo que ser miss significa representação social, vejo nisso uma oportunidade de dar voz às coisas em que eu acredito podendo também  inspirar as pessoas com a minha própria história, que tracei um caminho tão difícil para estar aqui hoje... Justamente no ano da minha preparação, em 2018, meu irmão de 18 anos, que é gêmeo com outro faleceu, uma tristeza indescritível para mim e para toda a minha família, meu pai que é motorista de ônibus escolar sofreu um acidente, lidamos com problemas emocionais e até mesmo de saúde da minha mãe, e tudo foi bem mais difícil pra mim porque como eu tenho ma bolsa de estudo no curso de Direito em Santa Catarina, eu e minha irmã morávamos lá, e também no ano passado ela ganhou uma bolsa pra estudar fora, então eu tive que viver esse momento alem de sozinha, distende da minha família. Mas em meio a tudo isso, a minha preparação para o concurso nunca foi um fardo, pelo contrário, nos dias em que eu estava deprimida e triste, era o foco no concurso que me fazia levantar, ir pra academia, cuidar da minha alimentação porque eu sabia que essas atitudes positivas me levariam para mais perto do meu objetivo e isso me dava gás para fazer as outras atividades diárias como faculdade, trabalho... Então, hoje, estar no concurso é uma realização pessoal, mas é também uma superação e uma lição de vida para mim, apesar dos dias difíceis, sempre devemos manter a esperança por dias melhores. Como miss, quero transmitir essa mensagem de resiliência, força e determinação as pessoas.


Portal O Estado: Como está sua preparação para o Miss?

Dagmara Landin: Muito intensa. Meu dia está sendo dividido entre academia, aulas exclusivas de oratória, passarela e inglês, cuidados com a alimentação... E outros compromissos relacionados ao concurso. Eu tento não me cobrar muito, para não me desgastar psicologicamente, mas ao mesmo tempo tento ser o mais produtiva possível.

Portal O Estado: O que você gosta de fazer no seu tempo livre e o que teve de abdicar para se preparar para esta carreira?

Dagmara Landin: Meu tempo livre eu dedico a minha família, namorado, meus amigos... Adoro atividades que me ponham em contato com a natureza, então pratico ecoturismo e gosto de fazer atividade física ao ar livre...  E eu sempre reservo um tempinho só pra mim, ler um bom livro, ir ao cinema sozinha, comer uma comida que gosto... Sempre atividades mais tranquilas porque a vida cotidiana já é bem agitada. O concurso exige uma dedicação quase que exclusiva, ainda mais nessa reta final, mas a vida é feita de fases, eu quero viver essa intensamente e fazer tudo que eu puder para aumentar minhas chances de realizar o sonho de representar meu estado. E venho tendo o apoio e compreensão de todos que me amam.

Portal O Estado: Quem é sua inspiração (pessoal ou profissional ou ambos) e por quê?

Dagmara Landin: Minha família é a minha maior inspiração. Família é o vínculo mais forte e verdadeiro que temos, é a nossa ligação com o passado, presente, futuro... Eu penso na minha família, lembro de tudo que passamos, mas foi justamente nossa união que nos fez superar nossos dias difíceis e é o amor que tenho por ela que me mantém.

Portal O Estado: Compartilhe um segredo de beleza.

Dagmara Landin: Procuro me alimentar bem e fazer atividade física todos os dias. Mas sem a pretensão de atingir a perfeição, minha preocupação é minha saúde e qualidade de vida. Para mim, beleza não é sinônimo de perfeição. A beleza exterior é principalmente um reflexo do que nós temos dentro, então, um segredo de beleza é cuidar do seu interior.Portal O Estado: Vocês está se preparando para o concurso desde quando?

Dagmara Landin: Eu tento participar do concurso há muito tempo, varias fatores, principalmente financeiros me impossibilitavam... Ao longo desses anos, embora com muitas limitações, sempre procurei dar passos que, apesar de pequenos, me levariam no sentindo de realizar esse sonho. Mas minha preparação mais intensa foi realmente durante 2018.

Dê sua opinião:

Tags

Veja também: