Justiça condena três dos quatro acusados de assalto a residência na zona Rural de Batalha

Três homens foram considerados culpados por roubo e corrupção de menores, com pena de oito anos e dois meses para cada

O processo criminal que investigou o assalto à casa do Sr. Francisco de Sousa Fontenele, ocorrido no dia 31 de agosto do ano passado, por volta das 23h20min, na Localidade Pé da Ladeira, zona rural de Batalha, teve decisão prolatada. Na segunda-feira (31), foi proferida a sentença que considerou culpados três dos quatro réus por envolvimento nos crimes de roubo e corrupção de menores. A jovem Keysiane Gomes dos Santos, conhecida como Loura, 23 anos, foi a única inocentada. Todos os outros réus no processo foram considerados culpados. A decisão foi publicada nesta quarta-feira (01), no diário da justiça eletrônico.

A juíza Lidiane Suely Marques Batista sentenciou DAVID SABINO CARNEIRO, JOÃO PAULO SABINO CARNEIRO e FRANCISCO RODRIGUES DOS SANTOS (Chicó) a 08 anos e 2 meses de reclusão(cada um), em regime semiaberto, pela prática dos crimes de roubo majorado e corrupção de menores, já que no grupo havia dois menores.

Já a suspeita de ser a mentora intelectual do assalto, Keysiane Gomes (Loura), foi absolvida porque a juíza entendeu que não havia provas concretas sobre a participação dela no crime. A sentença acompanhou o parecer do Ministério Público, que também requereu a absolvição de “Loura” por falta de provas.

Processo nº 0000323-14.2017.8.18.0040

Fonte: Folha de Batalha

Dê sua opinião:

Tags

Veja também: